Honra

O papo de que o cachorro é o melhor amigo do homem não é nenhuma novidade. Todos conhecemos a capacidade canina para cumprir as mais variadas tarefas. Além, claro, de serem uma boa companhia. Alguns cachorros, no entanto, conseguem ir além. Um bom exemplo são os cães que enfrentam perigos dos campos de batalha. Eles desarmam bombas, salvam soldados, farejam inimigos, etc. Como recompensa, além de um bom osso, ganham medalhas, reconhecimento e até um obituário no NYT.


cao heroi


Os Estados Unidos começaram a empregar regularmente cães durante a Segunda Guerra. Desde então, ele têm estado presentes nas principais campanhas militares modernas - somente o Exército americano emprega 28 mil cães, segundo a revistaForeign Policy. "Cada cachorro pode trabalhar por cinco ou seis anos, mas as exigências dos terrenos e das missões podem ser duras com as articulações dos cães", disse à AP o comandante da unidade canina no Afeganistão, Nick Guidas.


Apesar das dificuldades das missões, apenas dois animais morreram em ação nos últimos anos, segundo Guidas. "Nós cuidamos muito bem desses cães. Em alguns casos, eles recebem tratamento melhor que nós". Confira a história de algumas cães que ficaram famosos por suas façanhas militares.


Stubby
O lendário bull terrier Stubby é o cão mais condecorado da história militar dos Estados Unidos. Ele foi adotado pelo soldado J. Robert Conroy ainda filhote, em 1917. Conroy conseguiu embarcar ele escondido em um navio para a França durante a Primeira Guerra Mundial. Lá, ele participou de 17 combates.


Stubby realizou inúmeras façanhas durante a guerra. Entre elas salvar soldados de gases tóxicos no front de batalha, localizar feridos em combates e até mesmo capturar sozinho um espião alemão. Graças às suas façanhas, ele foi o primeiro cão a ser condecorado sargento do exército americano. O obituário da morte de Stubby foi publicado em três colunas no jornal The New York Times em 4 de abril de 1926.


Treo
O cão farejador Treo, 8 anos, recebeu em fevereiro deste ano a medalha Victoria Cross pelos seus serviços prestados ao exército britânico no Afeganistão. Treo, que serviu no país asiático durante dois anos e agora está aposentado, recebeu o prêmio por ter descoberto uma bomba com capacidade para eliminar um pelotão inteiro.


Treo prestou serviços ao exército britânico durante cinco anos ao lado do sargento Dave Heyhoe. "Todo mundo diz que ele é apenas um cão militar - sim, ele é, mas tabmém é um grande amigo meu. Nós tomamos conta um do outro", disse Heyhoe, em entrevista à revista Foreign Policy.


Sinbad
O vira-lata Sinbad foi adotado pela tripulação do Campbell, uma embarcação da Guarda Costeira americana, em 1938. Como membro da tripulação - Sinbad tinha uniforme e registro militar próprio -, lutou em batalhas em alto mar e em portos na Segunda Guerra Mundial.


O cão, que prestou serviços à Guarda Costeira durante 11 anos, chegou a causar pequenos incidentes internacionais em operações na Groenlândia e no Marrocos. Até recentemente, ele era o único integrante a corporação a ter dedicada a si uma biografia,Sinbad da Guarda Costeira.


Gunner
Contudo, nem só de glórias vivem os cães militares. Devido aos seus serviços prestados no Afeganistão, o labrador Gunner acabou sofrendo de stress pós-traumático. Segundo matéria publicada no jornal The Washington Post, Gunner tem dificuldades em deixar o seu canil. E qualquer barulho diferente, como a chegada de um navio, disparos de artilharia ou até mesmo o flash de uma câmera, fazem o animal correr assustado.


Chips
Outro heroi da Segunda Guerra Mundial é Chips, uma cruza de husky e collie que serviu como cão de sentinela na Sicília, na Itália, durante três anos a partir de 1942. Em 1944, ele foi condecorado com a medalha Estrela de Prata, por "eliminar sozinho um ninho de metralhadores e render seus operadores". Graças à sua heróica façanha, Chips conheceu o presidente americano Dwight Eisenhower e o premiê britânico Winston Churchill.


Apesar de ter sua medalha retirada quando o Exército americano decidiu proibir condecorações a animais, Chips foi homenageado com um romance baseado na sua vida, Chips, o cão de guerra, que mais tarde virou um filme para TV exibido pelo canal da Disney em 1990.


Com informações do site Foreign Policy


Origem da notícia: http://bit.ly/cqXs6N



Fonte: http://noticias.terra.com.br



- Postado por: mary às 17h42
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Dermstite canina

Doenças dermatológicasdos filhotes de cães e gatos


Conheça as doenças dermatológicas mais comuns, responsáveis por consultas constantes a médicos-veterinários, insatisfação dos proprietários e até por abandono dos animais, às vezes por repulsa, quando não tratados.

Sarna negra (demodicidose)

Um distúrbio imunológico celular incapacita, no filhote, o controle da população de ácaros, os quais são sempre herdados da mãe, ou segundo alguns estudos, também do pai.Os mais acometidos são os cães (ácaros Dermodex canis e Dermodex injai), principalmente os de pelo curto (67% - Delaye, E.H. 2002) e das raças American Pit Bull Terrier, Boxer, Bull Dog Terrier e Shar Pei.Nos gatos, a transmissão é semelhante, mas pode ocorrer também entre filhotes (ácaro Demodex cati) e entre os adultos (Demodex gatoi).Nenhum desses ácaros passa para o Homem.

Alguns sintomas da demodicidose são falhas no pelame, queda excessiva de pelos, pigmentação excessiva. hipertrofia da camada epidérmica, descamação, crostas e úlceras.Coceira só ocorre em caso de infecção secundária, bastante comum tanto em cães como em gatos.O diagnóstico é confirmado por exame parasitológico de raspado cutâneo.

O mal não tem cura, mas é controlado com medicação oral e banhos.As infecções secundárias são combatidas com antibiótico.Depois de três exames de raspado negativos, o animal recebe alta.Castram-se os portadores para evitar a transmissão.

Escabiose

Conhecida também como sarna sarcóptica nos cães e sarna notédrica nos gatos, é transmitida de animal para animal e de animal para o Homem.Os ácaros (Sarcoptes scabiei, nos cães, e Noroedris catis, nos gatos) perfuram galerias sob a camada superior da pele, causando coceira intensa, escoriações, hiperpigmentação, vermelhidão e falha nos pelos.Nos cães, esses sinais podem acontecer no pavilhão auricular, na articulação do cotovelo ou no corpo inteiro.E nos gatos, no pavilhão auricular, na cabeça ou na região perineal.

Deve ser tratado o animail que teve contato com o animal portador.O humano que teve contato com animal portador.O humano que teve contato com o animal afetado, caso apareça nele lesão ou coceira, deve procurar o médico.Usam-se medicamentos tópicos, orais e injetáveis, em geral com bom resultado.A escabiose acomete principalmente animais de pelagem curta e hábitos errantes.Depois de curado, o animal deixa de ser portador - só não desenvolve resistência.

Micose

Considerada uma zoonose, a dermatofitose talvez seja a micose mais diagnosticada em cães e gatos filhotes e adultos, mas é a campeã de erros de diagnóstico.De 4.756 amostras de cães suspeitos, apenas 8% eram positivas em dermatofitose.E, de 8.349 cães e gatos suspeitos, somente 16% portavam o mal.

A transmissão do fungo causador (geralmente o Microsporum canis, o M.gypseum, oTrychophyton menagrophytes ou o T.rubruni) ocorre por contato direto e indireto.Alguns sinais clínicos são queda de pelos, aparecimento de lesões com aparência suja e formação de crostas e escamas, localizadas ou generalizadas.A micose pode ser superficial (dermatofitose e malasseziose) ou profunda (esporotricose e criptococose) e não causa coceira.

O diagnóstico é feito por exame clínico com lâmpada de Wood (luz específica para o diagnóstico) e, principalmente, por cultivo micológico.No tratamento, que é demorado, usa-se medicação tópica e sistêmica (que age em todo o organismo).As raças mais sujeitas são o Persa e o Yorkshire.

Prefira profissional especializado

Quando houver alteração na pele do filhote, não deixe para depois, opte por um médico-veterinário com experiência em dermatologia veterinária.Os membros da Sociedade Brasileira de Dermatologia Veterinária e os da Anclivepa são os profissionais mais capacitados e atualizados para tratar doenças dermatológicas dos cães e gatos.



- Postado por: mary às 20h41
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




posso levar meu cão para o emprego

Posso levar o meu cão para o emprego?

Estudos revelam que é muito positivo levar o animal para o local de trabalho 

Se a presença de animais de estimação no local de trabalho lhe traz automaticamente alergias e incomodo, esta pode ser a oportunidade de vir a mudar de ideias. Vários estudos revelam que é muito positivo levar o animal para o local de trabalho, podendo mesmo aumentar a produtividade e reduzir o stress. A investigação indica ainda que os colaboradores ficam mais calmos e trabalham com mais entusiasmo.


caes no trabalho
Existem dois benefícios na convivência de um animal numa empresa: o aumento da auto-estima e o crescimento da produtividade no ambiente de trabalho.
Atualmente, nos Estados Unidos, uma em cada cinco empresas permite a visita de animais de estimação. Segundo a Associação Americana de Fabricantes de Produtos para Animais,  75 milhões dos norte-americanos acreditam que a presença dos animais de estimação no local de trabalho faz as pessoas mais felizes e 70 milhões acreditam que eles reduzem o stress dos colaboradores.


Inspirada por este comportamento americano, a sede da Nestlé, em Linda-a-Velha, Portugal, decidiu organizar uma semana dedicada aos cães. Em 2009, durante a "Pet Week" (de 29 de Junho a 3 de Julho) os donos puderam trazer os seus bichos para o escritório. 


 



Fonte: http://www.ionline.pt




- Postado por: mary às 14h10
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Leishmaniose visceral - Calazar

Obs : para copiar o vídeo em seu site ou blog , espere o seu vídeo acabar  no blog , e procure !"embed" copie o código  e coleque no HTML do seu deitor de postagens  na UOL fica na barra onde você escolhe as cores da eltra esta ecrito HTML é o último íncone ,  clique e cole o vídeo )



- Postado por: mary às 10h17
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Cão maigo de gatos vira sucesso

.



Fonte: R7

No vídeo, ao som da música “I love you” da banda inglesa Climax Blues Band, o cãozinho e seus amigos brincam e trocam carinhos. A montagem feita pela dona dos animais, Sonya Kelly, já foi vista mais de 1,6 milhões de vezes. Apesar disso, ela conta que a ideia inicial era fazer apenas um registro pessoal

- Quando eu estava fazendo, era uma coisa pessoal. Eu realmente não acho que as pessoas iriam aceitar, mas eles aceitaram. Sentiram que eu estava tentando retratar. Isso significou muito para mim

 


Origem da notícia: http://bit.ly/cRhWVx



Fonte: R7



- Postado por: mary às 11h39
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________


CopyRight © Destiny - Template Shop



Histórico:

30/09/2012 a 06/10/2012
17/06/2012 a 23/06/2012
25/12/2011 a 31/12/2011
11/12/2011 a 17/12/2011
20/11/2011 a 26/11/2011
06/11/2011 a 12/11/2011
02/10/2011 a 08/10/2011
25/09/2011 a 01/10/2011
04/09/2011 a 10/09/2011
28/08/2011 a 03/09/2011
14/08/2011 a 20/08/2011
07/08/2011 a 13/08/2011
17/07/2011 a 23/07/2011
26/06/2011 a 02/07/2011
19/06/2011 a 25/06/2011
12/06/2011 a 18/06/2011
29/05/2011 a 04/06/2011
15/05/2011 a 21/05/2011
08/05/2011 a 14/05/2011
01/05/2011 a 07/05/2011
24/04/2011 a 30/04/2011
10/04/2011 a 16/04/2011
03/04/2011 a 09/04/2011
27/03/2011 a 02/04/2011
20/03/2011 a 26/03/2011
13/03/2011 a 19/03/2011
06/03/2011 a 12/03/2011
27/02/2011 a 05/03/2011
20/02/2011 a 26/02/2011
13/02/2011 a 19/02/2011
06/02/2011 a 12/02/2011
30/01/2011 a 05/02/2011
23/01/2011 a 29/01/2011
16/01/2011 a 22/01/2011
09/01/2011 a 15/01/2011
02/01/2011 a 08/01/2011
26/12/2010 a 01/01/2011
19/12/2010 a 25/12/2010
12/12/2010 a 18/12/2010
05/12/2010 a 11/12/2010
28/11/2010 a 04/12/2010
21/11/2010 a 27/11/2010
14/11/2010 a 20/11/2010
07/11/2010 a 13/11/2010
31/10/2010 a 06/11/2010
24/10/2010 a 30/10/2010
17/10/2010 a 23/10/2010
10/10/2010 a 16/10/2010
03/10/2010 a 09/10/2010
26/09/2010 a 02/10/2010
19/09/2010 a 25/09/2010
12/09/2010 a 18/09/2010
05/09/2010 a 11/09/2010
29/08/2010 a 04/09/2010
22/08/2010 a 28/08/2010
15/08/2010 a 21/08/2010
08/08/2010 a 14/08/2010
01/08/2010 a 07/08/2010
25/07/2010 a 31/07/2010
18/07/2010 a 24/07/2010
11/07/2010 a 17/07/2010
04/07/2010 a 10/07/2010
27/06/2010 a 03/07/2010
20/06/2010 a 26/06/2010
13/06/2010 a 19/06/2010
06/06/2010 a 12/06/2010
30/05/2010 a 05/06/2010
23/05/2010 a 29/05/2010
16/05/2010 a 22/05/2010
09/05/2010 a 15/05/2010
02/05/2010 a 08/05/2010
25/04/2010 a 01/05/2010
18/04/2010 a 24/04/2010
11/04/2010 a 17/04/2010
04/04/2010 a 10/04/2010
28/03/2010 a 03/04/2010
21/03/2010 a 27/03/2010
14/03/2010 a 20/03/2010
07/03/2010 a 13/03/2010
28/02/2010 a 06/03/2010
21/02/2010 a 27/02/2010
14/02/2010 a 20/02/2010
07/02/2010 a 13/02/2010
24/01/2010 a 30/01/2010
17/01/2010 a 23/01/2010
27/12/2009 a 02/01/2010
13/12/2009 a 19/12/2009



Outros sites

UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis
winx
adestradoronline
Meu Blog De Animais
THE DOG CLUB
minha paixao pelos animais
Abaixo assinado, Vacina gratuita contra leishimaniose
Play Labrador (parceiro)
Pet dicas
Passeios cão cães
Tudo para o seu pet
Virtual Pet
Cão sem Dono



Indique esse Blog


Créditos

Uol - Blogs

Layout por:

Destiny - Template Shop

Contador